domingo, 15 de fevereiro de 2015

Como fazer um artigo científico a partir de sua monografia ou tese?

Bom dia!
  Para elaborar um artigo científico, uma monografia ou uma tese de mestrado, é fundamental que seja feito um extenso levantamento bibliográfico. A diferença de um tipo de texto para o outro consistirá no tamanho que cada um deles deverá apresentar, assim como as suas especificidades. É importante destacar que o tamanho do texto não é uma regra definida pela metodologia, seja ela ABNT, APA ou VANCOUVER, mas sim o que cada universidade (ou periódico eletrônico ou impresso) entende(m) ser o razoável ou estabelecem como o tamanho mínimo necessário.
  Enquanto as monografias de graduação e pós-graduação costumam apresentar 3 capítulos, distribuídos em aproximadas 60 páginas, incluídos o pré e o pós-textos, as dissertações e teses de mestrado e doutorado são elaboradas a partir de 100 páginas. Eu mesma já localizei teses com aproximadas 800 páginas, incluídos todos os elementos exigidos, introdução, capítulos, conclusão, referências, anexos, entrevistas, etc..
  No caso do artigo científico, é comum que seu tamanho varie de 15 a 35 páginas, no máximo, conforme o curso, o orientador e a universidade a que você pertence, e o nível de especialização em que você está matriculado. Esse total de páginas mencionado costuma incluir todos os itens necessários para a sua composição, como o resumo, a introdução, o desenvolvimento, análise de dados e resultados, conclusão e referências.
  A esta altura, você pode estar se perguntando: mas se o artigo deve ser um texto menor que uma monografia ou tese de mestrado, para que levantar grande volume de obras e autores? 
  A resposta é simples: você deverá escrever em poucas páginas, tudo o que for possível para que seu artigo contemple os assuntos mais importantes, sem falhas, para que seja compreensível e aceito pela comunidade científica. Ou seja, pesquise e leia muito, e condense em poucas páginas. 
  Assim, quando é preciso desenvolver um artigo a partir de sua monografia ou tese, utilize o sumário existente e todos os assuntos mais importantes que o compuseram. Esteja atento (a) para o fato de, por vezes, determinado subtema ser tão importante no contexto de seu artigo que, em não podendo ficar de fora, poderá merecer apenas um parágrafo para que o conjunto do artigo faça sentido e expresse todos os conteúdos necessários à sua fundamentação teórica.
  Caso esse artigo tenha por objetivo a publicação em algum periódico específico, não deixe de verificar no site do mesmo quais são as exigências para que o seu texto seja aceito, porque os detalhes costumam variar muito entre si. 
  Boa sorte.
  Regina Del Buono

3 comentários:

  1. Excelente texto! Esclareceu minhas dúvidas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. bom dia, Anônimo, que bacana, eu fico muito contente com isto, agradeço pelo incentivo e desejo boa sorte.
      ah, e se precisar de revisão, já sabe, escreva para o meu email. um abraço!!

      Excluir
    2. também estava com dúvidas e fui esclarecido.

      Excluir