domingo, 19 de fevereiro de 2017

Os estrangeirismos na Língua Portuguesa e o uso do "apud"

   Bom dia! Usar ou não o itálico para distinguir palavras ou expressões advindas de outros idiomas, como é o caso do "apud", dentro de um texto escrito em português costuma suscitar algumas dúvidas em alunos/pesquisadores, em suas produções acadêmicas. Em oportunidades anteriores, publiquei alguns posts sobre este tema, sendo o último, intitulado “As expressões estrangeiras e o uso do itálico”, cujo link é: [http://www.abntouvancouver.com.br/2016/12/as-expressoes-estrangeiras-e-o-uso-do.htm]; datado de 18 de dezembro de 2016. Hoje voltamos a falar sobre isto, para responder à pergunta da Catarina. Vamos lá...

sábado, 18 de fevereiro de 2017

Conselhos aos filhos ..... Desmond Tutu

“Meu pai sempre dizia: Não levante sua voz, melhore seus argumentos”.

Desmond Tutu
(1931 -       )
arcebispo anglicano sul-africano 
ativista dos direitos humanos pelo movimento Antiapartheid
Prêmio Nobel da Paz em 1984

domingo, 12 de fevereiro de 2017

Dúvidas sobre o uso do “apud”

   Bom dia! Embora pareça difícil, na verdade, o emprego do termo latino “apud” é algo bem simples. Conforme definição dada por Jardilino, Rossi e Santos (2000, p. 111-113), “apud” significa “segundo fulano, referido por”. Publiquei um post sobre este mesmo assunto, intitulado “Dúvidas sobre o uso do “apud””, cujo link é: [http://www.abntouvancouver.com.br/2017/02/duvidas-sobre-o-uso-do-apud.html] em 05 de fevereiro de 2017, e outros mais, cujos links constam ao final deste artigo. Hoje vou responder à questão recebida da Marta Palomo. Vamos lá. ...

sábado, 11 de fevereiro de 2017

domingo, 5 de fevereiro de 2017

Dúvidas sobre o uso do “apud”

   Bom dia! É comum que alguns universitários, ao iniciarem um texto acadêmico-científico, tenham dúvidas sobre o uso do “apud”. Para o artigo de hoje, vou mencionar outro, publicado aqui em 07 de dezembro de 2014, intitulado Como usar o “apud” ou como fazer a citação da citação”, cujo link é: [http://www.abntouvancouver.com.br/2014/12/como-usar-o-apud-ou-como-fazer-citacao.html].  Outros artigos meus sobre este assunto podem ser avistados ao final deste post, e links correspondentes. Hoje vamos dar atenção à dúvida recebida de “Korel Artes”. ...

sábado, 4 de fevereiro de 2017

domingo, 29 de janeiro de 2017

Os Estudos Observacionais Descritivos – Estudos Seccionais ou de Prevalência - Série: Os Tipos de Estudos Científicos em Saúde

   Bom dia! Os Estudos de Prevalência ou Seccionais constituem o segundo tipo dos Estudos Observacionais Descritivos (CARVALHO e ROCHA, 2008). Este artigo dá continuidade à série Os tipos de Estudos Científicos em Saúde, iniciado aqui em 03 de julho de 2016, cujo link é [http://www.abntouvancouver.com.br/2016/07/os-tipos-de-estudos-da-area-de-saude.html]. ...

sábado, 28 de janeiro de 2017

O objetivo da Educação... Jean Piaget


“O principal objetivo da educação é criar pessoas capazes de fazer coisas novas 
e não simplesmente repetir o que as outras gerações fizeram."

Jean Piaget
(1896 - 1980)
psicólogo e filósofo suíço
especialista em Inteligência Infantil 



















domingo, 22 de janeiro de 2017

Como elaborar um relatório com as entrevistas de uma Pesquisa de Campo (Qualitativa)?

   Bom dia! Elaborar um relatório de uma Pesquisa de Campo (qualitativa) pode ter duas interpretações. A primeira, e principal, consiste em elaborar a redação da monografia, propriamente dita. A segunda, seria converter as perguntas e respostas contidas na pesquisa realizada em um texto próprio, elaborado pelo aluno pesquisador, em uma linguagem formal. Entre 2014 e 2016, publiquei aqui diferentes artigos sobre a elaboração de uma Pesquisa de Campo, artigos esses que, ou indicam autores especializados neste assunto, ou apresentam dicas sobre a elaboração desse tipo de pesquisa, e a forma como inseri-la no texto acadêmico, cujos links constam ao final deste post. O artigo de hoje é dedicado às dúvidas recebidas no último dia 29 de dezembro de 2016. ...

sábado, 21 de janeiro de 2017

domingo, 15 de janeiro de 2017

Fazer uma monografia a partir de um artigo científico?

 Bom dia! É comum que os acadêmicos desenvolvam determinado tema em uma monografia ou tese, e, posteriormente, desenvolvam um artigo científico a partir desse mesmo material, que contou com extenso levantamento bibliográfico e todo o investimento de tempo, interpretação e elaboração da escrita. Em 15 de fevereiro de 2015, eu publiquei um artigo intitulado “Como fazer um artigo científico a partir de sua monografia ou tese?”, cujo link é:[http://www.abntouvancouver.com.br/2015/02/como-fazer-um-artigo-cientifico-partir.html]; e hoje, vamos voltar a este assunto, em atenção à Eduarda Melo. ...

sábado, 14 de janeiro de 2017

domingo, 8 de janeiro de 2017

O Espaçamento e Configuração do Texto Científico e a Metodologia VANCOUVER

    Bom dia! Os textos científicos desenvolvidos segundo a Metodologia VANCOUVER podem seguir ou não seguir o mesmo padrão definido pelas regras da ABNT. Essas variações podem compreender tanto a forma e o tamanho de redigir o texto, como também apresentar pequenas diferenças na configuração do documento. Em 22 de setembro de 2012, publiquei um artigo sobre “Como formatar monografias segundo VANCOUVER?”, cujo link é: [http://www.abntouvancouver.com.br/2012/09/como-formatar-monografias-segundo.html]. Hoje vamos voltar a este assunto, para falar sobre o espaçamento do texto, também conhecido como entrelinhas, em atenção à Thaiz. Vamos lá. ...

sábado, 7 de janeiro de 2017

domingo, 1 de janeiro de 2017